Saudade



Saudade

Essa tristeza que acompanha o meu dia
Traz um súbito desejo de partir
Essa vontade de encontrar na manhã fria
Um caminho iluminado a ti.

A saudade alimenta o passado!

A memória carrega um desejo comedido
Construído em pedaços lentamente
Em recortes de um tempo já vivido
De um tempo que se fez laços na mente

A saudade alimenta o passado!
Em caminhadas sem fim!

Essa saudade de nós me faz eremita
Essa saudade de tudo acalma
Essa saudade de ontem grita
Essa lembrança que tortura a alma


A saudade alimenta o passado!
Em caminhadas longas, sem fim!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Tempo de Poema